A Tentação nas Apostas o Caminho Fácil

Adão e Eva e A Tentação nas Apostas

A tentação nas apostas – A origem do homem, seguindo a história de Adão e Eva, baseada no mito de criação das religiões abraâmicas, tem início com a tentação.

Foi a tentação que os levou a serem expulsos do jardim do Éden.

A tentação foi o nosso começo e é a nossa perdição, digo eu…

A ideia do ganho fácil é algo que nos apela e que muitos aplicam, quando nos querem enganar com alguma ideia miraculosa.

Quando alguém nos mostra uma determinada informação que leva a um ganho fácil, ficamos sempre tentados a seguir e aplicar essa informação, certo?

Na realidade a palavra tentação não é a que quero usar, porque tentação implica algo de imoral e/ou ilícito. Mas se preferirem de duvidosa moralidade, e o caminho fácil que alguns podem tentar seguir com as apostas desportivas não é imoral nem ilegal.  Poderá ser encarado como um investimento, como investir num fundo financeiro por exemplo.

o investimento e a Tentação nas Apostas

Todavia a palavra tentação tem sido usada e moldada, por exemplo pelo marketing, sem que tenha uma conotação imoral ou ilegal, e foi-se enraizando no nosso vocabulário, pelo que há tentações legais e moralmente aceitáveis!

Eu conheço e sigo a Betopedia desde o início, mas não tenho nenhuma conta em nenhuma casa de apostas, não sou um apostador.

Ainda que tenha acesso a toda a informação que vocês, seguidores da Betopedia, têm e talvez de forma mais rápida e privilegiada, apesar disso não faço apostas e isso pode parecer um pouco estranho.

Se tenho acesso e trabalho com a informação, qual o porquê de não a usar?!

Será que quero evitar para mim o destino de Adão e Eva?

Não é que eu esteja no paraíso, como estavam eles antes de serem expulsos, mas tenho conseguido resistir à tentação de usar da informação para dela tirar proveitos.

Não sendo um apostador, cheguei à Betopedia pela parte técnica e desse lado fui fazendo o meu trabalho.

Do trabalho dos outros fui tomando nota mental da informação que conseguia e formando a minha própria opinião.

Tipster xeque99O Xeque99, culpado da minha presença na Betopedia, foi-me falando da sua visão, do seu trabalho e das suas ideias.

 

 

A Betopedia é um site de prognósticos desportivos feitos por gente dedicada, alguns até quase profissionais exclusivos.

 

Toda a informação produzida assenta numa análise prévia detalhada, com uma mistura de experiência de cada um desses elementos. Mas para fornecer uma escolha acertada, baseada em diversos cenários de validação da informação, incluindo matemáticos.

Mas o que sempre percebi, e foi esse o caminho que me apontou o Xeque99, a Betopedia disponibiliza conteúdos onde se procura o valor.

A reloadbet e a tentação nas apostas
Freebet 5 euros na Reloadbet

O Valor?! Ah… o caminho fácil é isso?

Não, isso é o que os vendedores de banha da cobra fazem, é dizer que para ganharem basta seguirem aquele caminho (apontado por eles) e que tudo vai correr bem.

O valor, nas apostas desportivas, é não o acertar de um resultado ou prognóstico, mas sim o encontrar o excesso financeiro numa determinada aposta.

A tentação nas apostas

Ou seja, e usando termos leigos, até porque como não sou apostador, sou um leigo nesta complicada tarefa de análise de cenários, o valor é o excesso financeiro que uma determinada aposta apresenta.

Esse excesso permite que um apostador que procure o referido valor nestas apostas ou linhas, consiga mesmo perdendo o mesmo número de vezes que um normal apostador, ser mais rentável.

Mollybet PT

Mas como?! Simples, compra melhor do que os outros. Compra?

Sim, como quando compramos uma acção, um apostador destes compra melhor e depois quando ganha, ganha mais, quando perde, perde o mesmo. Façam a matemática!

Mas como percebi eu isto? Ou como posso, mais uma vez em termos leigos, explicar?

Um apostador principiante tende a escolher as linhas principais de um jogo, a vitória de uma equipa por exemplo. E se for principiante e estiver em Portugal, vai jogar na vitória dessa equipa no Placard!

o Placard e a tentação nas apostas

Quem procura valor vai procurar esse jogo em várias casas de apostas e vai encontrar um valor maior, logo uma maior margem e possível lucro.

 

Ou melhor ainda, usa a MollyBet, disponibilizada pela Betopedia, e através dessa plataforma tem sempre acesso às melhores odds (cotações), através de um número elevado de casas de apostas.

Mas… e aqui é que começa a ficar interessante, é que um apostador profissional tende a procurar outras linhas. Um apostador profissional não faz o totobola, vai jogar em linhas de handicaps, ou linhas de golos e outras mais que oferecem uma maior probabilidade de sucesso.

Seja o apostador profissional isento de emoções, o apostador do Placard joga com as emoções. Mas “larga” nas linhas de vitórias e empates, ou até com múltiplas excessivamente optimistas que mais parecem lembrar as probabilidades de vencer o euro milhões!

A tentação nas apostas

Como aquelas múltiplas que saem nas notícias, em que alguém ganhou 10.000€ com uma aposta de 1€. Sim acontece, mas com uma probabilidade de ganho inferior a 1/10000… por isso a casa ganha sempre e o apostador perde.

Caminho fácil, tentação, apostadores, eu e a Betopedia, mas então porque não aposto eu?

Estranhamente tenho-me conseguido afastar desta tentação de investir na informação que disponho por uma razão muito simples, eu conheço-me e sei que não sou disciplinado, metódico e sou impulsivo com uma dose elevada de emoção!

O que quero dizer com isto?

– Não tenho capacidade ou paciência suficiente para ser o disciplinado que chegue para seguir a informação. Ou então que me chega e aplica-la de acordo com o exigido;

– O apostador profissional tem uma rede de ferramentas que usa de forma muito ávida. Mas eu tenho uma costela bem preguiçosa, que me leva a descurar por vezes o método de trabalho, e isso põe em causa o método que deve ser adoptado e seguido;

– Um apostador profissional não pode ser impulsivo, deve seguir o seu modelo de análise e, nos momentos em que o aplica. Contudo tem que ter a certeza que esta a aplicar o modelo e não se deixar seduzir por um qualquer valor que parece excessivo, mas que carece de validação;

– A emotividade também é algo que deve ser anulada para que o modelo matemático prevaleça. Mesmo alguém que se deixa levar pelas emoções tende a tomar decisões que carecem de validação lógica.

– Aquele apostador profissional tem que saber parar, e tem que o conseguir fazer porque encontrou algo que desafia o modelo que utiliza. Mas para isso não pode ser emocional, eu além de muito emocional ainda sou impulsivo, por isso isto não é para mim!

Em modo de conclusão, posso dizer que a queda do homem, que no caso de Adão e Eva, levou à expulsão do paraíso, parece-me importante de ser lembrada.

Não quero com isto dissuadi-los de seguirem a informação da Betopedia. Mas quero apenas reforçar a necessidade individual, que cada um terá de avaliar o seu compromisso e disponibilidade ao enveredar por este caminho.

Os bitcoins e a tentação nas apostasJá todos compraram bitcoins porque as notícias diziam que iam valorizar, que muitos tinham ganho milhares, já fomos ver filmes porque nos disseram que eram bons, que valiam o dinheiro do bilhete, e às vezes é verdade, mas outras vezes devemos não seguir a informação ou pelo menos tomar a melhor decisão informada possível.

Aceitamos muitas vezes a informação sem a perceber e principalmente sem a enquadrarmos na nossa vida.

 

Leiam e ouçam os artigos da Betopedia, mas pensem, sigam se conseguirem enquadrar tudo e não apenas porque parecem bem ou fazem sentido!

MrBlue

ReloadBet Bónus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *